junho 21, 2015

por Danielli Guirado

Pausa na Leitura: Sobre uma vida mais leve, crenças e mudanças de hábito....




Faz um bom tempo que estou em busca de uma vida mais leve, isso implica a cuidar de mim física e psicologicamente, cuidar do planeta, repensar meu "uso" e impacto na Terra, tentar simplificar relações e comportamentos complicados, tentar não considerar tanto a opinião alheia e suas expectativas e ser alegre na medida do possível. Essa semana me peguei pensando muito nessas coisas e queria (precisava!) compartilhar essa parte de mim com vocês aqui. E, claro, como boa capricorniana metódica, vou escrever por tópicos! rsrs

A Terra

Sim! Nosso planeta! Sempre penso nele desde muito nova, talvez por influência do Capitão Planeta (VAAAI PLANETAAA! kkk) e de bons professores da minha querida Guilherme de Almeida. Tanto me importava que sempre tive consciência que a água era um recurso finito e sempre chamava a atenção da minha família para fechar as torneiras na hora de escovar os dentes e lavar a louça! rsrs

Também sempre me interessei por Feng Shui e super aplicava no meu quarto (única parte da casa "minha"! hehe) com a ajuda da Capricho e da Atrevida que sempre tinham matérias sobre. Tentava aplicar na minha vida os conceitos de energia positiva circulando, o "menos é mais" e o descarte de coisas de tempos em tempos a partir do lema que li em uma delas e jamais esqueci: "para o novo vir, o velho deve ir". Esse ano isso está um pouco mais forte e tenho repensado muito também o meu consumo, que quero falar no próximo tópico! hehe


Consumo: Roupas, sapatos e etc.




Foi principalmente com os posts da Gabi sobre o armário-cápsula que comecei a pensar mais seriamente na minha relação com minhas roupas, meu consumo e o impacto da produção em geral no meio ambiente. Não é segredo para ninguém que estamos na era mais consumista da humanidade. Queremos muito, compramos muito e gostamos de mostrar muito o que temos! Duas coisas que a Gabi escreveu acredito que foram o gatilho para eu querer "desabafar" neste post, porque sempre foi exatamente como me sentia:

"Compramos para nos sentirmos bonitas e felizes. Mas e depois que chegamos em casa e vemos aquelas peças desconexas? Aquele tanto de peça sem uso também é um jeito de minar a nossa autoestima (e o nosso bolso, né?). Estou aprendendo todos os dias que menos é mais, e isso tem influenciado no meu estilo. Antes, se eu saísse sem um acessório, me sentia super sem graça. Hoje, comecei a valorizar mais a mim mesma e menos as coisas que uso. Não sei se isso soa certo para vocês, mas, para mim, representa liberdade"

Essas palavras foram muito de encontro ao que acontece comigo, sempre penso: se tiver aquela roupa/sapato/decoração/livro vou ficar feliz e atingir tal coisa. Quando eu finalmente comprava, me sentia realmente bem, mas poucos dias depois já queria uma nova coisa. Ou seja, aquele era um sentimento meio vazio para mim, sabe? Não vou deixar de ser vaidosa e nem de comprar roupas, mas quero fazer isso com mais sabedoria, economia e sustentabilidade.

Lembro de um post da Lia (não encontrei, sorry! =[ )falando que na Europa e nos EUA eles tem muito o costume de comprar em Brechós, coisa que aqui no Brasil, nós não temos. Agora com a chegada do Ebay, do Mercado Livre e, mais recentemente, do Enjoei, que temos começado nessa onda de adquirir o que já passou por outras mãos. E quer comportamento mais sustentável e econômico que esse? Por conta disso, inclusive, já baixei o app do Enjoei, pedi para um amiga do trabalho (beijo, Cris! ^^) me incluir em alguns grupos de Brechó do facebook que ela participa e quero tentar entrar nesse mundo: quando precisar de alguma coisa, procurarei primeiro nestas plataformas e tentarei adquirir por lá! Além de poupar meu dinheiro, faço minha parte para poupar o meio ambiente dos custos da produção! 

Já faço parecido no Skoob, em que troco livros que não vou ler mais, por outros que tenho vontade. É um sistema ótimo e ainda estou devendo um post para vocês para falar dele!! =[ #decepçãodeblogueira 

Também quero tentar estender este pensamento para a decoração. Eu e o Vi estamos comprando um apartamento, ainda não falei nada aqui, mas pretendo! Entre as decisões de compra, quero tentar ir nessas lojas de móveis usados e trazer algo para casa (algo que precisamos, claro!), vamos ver se funciona! =]

Carnivorismo




Ainda não estou virando vegetariana, mas sim, me sinto mal de comer carne e é uma questão que me incomoda todos os dias, principalmente depois que adotei a Lua. Afinal, se como vacas, porcos e galinhas, qual a diferença para os cachorros, não é verdade? Ao mesmo tempo não consigo me despedir desse hábito, tanto pela questão do hábito mesmo quanto pela questão da saúde, já que minha amiga que é Nutricionista (beijo, Naty!) me alertou que eu precisaria de um puta acompanhamento para compensar a proteína e as vitaminas que eu perderia não comendo carne. Essas coisas envolvem dinheiro e tempo, duas coisas que não tenho no momento, sem contar que ainda não cozinho e nem faço as compras da casa, então teria que pensar em uma logística para isso também, já que não posso jogar esse ~ capricho ~ nas costas dos meus pais, né?

Sinceramente, também falta coragem mesmo de entrar nessa empreitada, me informar mais e abandonar a carne. Apesar dos pesares, eu gosto muito, né? Uma informação que chegou a mim foi uma matéria na revista Vida Simples deste mês exatamente sobre isso e sobre .

Segundo a matéria, está começando (começando meeesmo) um movimento aqui no Brasil de produção humanizada, ou seja, os animais destinados à alimentação são criados normalmente: soltos, com ração comum, vitaminas só se necessário e naturais e um abate que respeite o ciclo de vida do animal e que não o faça sofrer. Ainda não sei se isso será suficiente para mim, li a matéria essa semana e ainda estou digerindo, mas já é um avanço, pois toda a minha questão é com a crueldade que a produção é realizada. Imagina que nós humanos tivéssemos um predador e acontecesse o mesmo conosco?

Bom, por enquanto é isso gente! Sei que o post ficou gigante, então obrigada quem leu até aqui e me contem vocês o que acharam de todas essas minhas questões! Vocês têm alguma??? Me digam que não estou sozinhaaa!!! ahahahahaha

*
*
*
Vamos conversar mais!! Instagram Facebook ~ YouTube ~ GooglePlus ~Twitter ~ Skoob

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela leitura! ♥

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Livros, Resenhas, Vídeos e outras Danis!