setembro 23, 2014

por Danielli Guirado

Resenha: Half-Bad {Sally Green}

Autor: Sally Green
Editora: Intrínseca
Série: Half-Bad
Volume: 1 de 3
Páginas: 304
Nota Skoob: 3/4


"Eles vão fazer o que quiserem e dizer o que quiserem, e as pessoas vão acreditar neles. Meu irmão ainda não entendeu que não há esperança para mim."
[Nathan]

Nathan é um meio-código. Esse é o nome que o Conselho de Bruxos da Luz dá para aqueles que são filhos de um Bruxo da Luz com um Bruxo das Sombras.

O preconceito contra os meio-códigos é gigante e, especialmente contra Nathan, até mortal, pois ele não é filho de qualquer bruxo. Seu pai é Marcos, o pior bruxo das sombras que já existiu, que mata outros bruxos para obter seus poderes comendo seus corações (lembranças de Sylar em Heroes! aiai )

Por conta disso, o Conselho acha que Nathan herdou as trevas do pai e se juntará a ele em algum momento. Em vez de matá-lo, tentam usá-lo para atrair Marcos, dando esperanças a Nathan de que ele pode ser reconhecido como um Bruxo da Luz ao realizarem suas avaliações anuais no menino e ao mesmo tempo tratando-o como lixo.

Aos poucos o Conselho vai tirando tudo dele para tentar chantageá-lo a ajudá-los. Sem ter a quem recorrer, Nathan se volta para outros bruxos das sombras. Agora ele não sabe mais qual caminho seguir e descobre que entre a Luz e as Sombras, as coisas são bem mais complicadas do que imaginava.

Como eu disse lá no insta (já me segue? @danisohdani ), desde Dezesseis Luas que não lia histórias sobre bruxos e desde Harry Potter sinto falta de uma boa história sobre eles. Achei que seria Half-Bad, e até curti a leitura, mas não me pegou muito.

Por falar em Harry, achei várias semelhanças entre ele e Nathan: menino "meio-sangue"; criado por outros parentes; usando roupas de segunda mão, tendo uma questão especial com o vilão do livro e uma profecia. Também apresenta uma questão de "pureza de sangue" e, já se afastando um pouco de Harry e entrando nas distopias, um governo meio ditatorial que incute e estimula os preconceitos contra a população de Bruxos das Sombras, Félix (seres humanos comuns) e os filhos de Bruxos da Luz com Félix.

Todas estas questões que a autora traz tornam a leitura bem interessante, mas ainda faltou uma ligação mais forte entre tudo isso para eu me apaixonar pela história!! E vocês? Já leram Half-Bad? O que acharam? Me conta nos comentários! =D

*
*
*
Vamos conversar mais!! Instagram Facebook ~ YouTube ~ GooglePlus ~Twitter ~ Skoob


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela leitura! ♥

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Livros, Resenhas, Vídeos e outras Danis!