janeiro 17, 2013

por Danielli Guirado

Resenha: P.S. I Love You {Cecelia Ahern}

Autor: Cecelia Ahern
Título Brasileiro: P. S. Eu Te Amo
Páginas: 512 pages
Editora: Harper
Classificação: 2/5



Gerry e Holly ficariam juntos para sempre, até que o inimaginável acontece e Gerry morre, deixando-a devastada. Conforme seu aniversário de 30 anos se aproxima, Holly descobre um pacote de cartas nas quais Gerry a guia em sua nova vida sem ele. Com a ajuda de seus amigos e de sua família barulhenta e carinhosa, Holly consegue rir, chorar, cantar, dançar e ser mais corajosa do que nunca.


O filme, apesar do tema triste, é bom e eu tinha lido várias resenhas positivas sobre o livro, então nem pensei duas vezes quando o encontrei em um brechó em Brighton por £ 1! Aqui no Brasil, ele saiu pela Editora Novo Conceito em julho de 2012.

No livro, Holly Kennedy tenta superar a morte de seu marido Gerry, que faleceu de câncer no cérebro. Para isso, ela acaba contando com a ajuda inesperada do próprio Gerry: ele lhe deixou 12 bilhetes, para serem abertos um ao mês desde o mês de sua morte, com instruções de como seguir em frente sem ele. Estas instruções variavam desde ela comprar uma lâmpada para o criado-mudo e não mais bater o pé na cama ao apagar a luz até redefinir suas metas de carreira e achar um trabalho de que ela realmente goste. Todos os bilhetes vêm acompanhados de muito amor e carinho de Gerry pela esposa que ele teve de deixar e, uma das coisas positivas sobre o livro, é que Cecelia incluiu alguns momentos de Gerry preparando os bilhetes para Holly! Eu amei estas partes!

Mas, não sei se porque eu havia acabado de ler o Para Francisco da Cris Guera, que trata do mesmo tema, mas não gostei do livro! O "bonito" tem 512 páginas, mas só começa a melhorar lá pela 250, 300!!!! Durante todas essas páginas acompanhamos Holly e seu luto dia após dia e ela é aquele tipo de personagem que se perde dentro de sua cabeça em lembranças e descrições intermináveis de seus sentimentos, do relacionamento com Gerry e todos os seus problemas durante o livro. A trama simplesmente demora muito para andar e cada acontecimento novo faz Holly parar cinquenta mil horas para digerir tudo e seguir em frente. Depois da escrita leve, cheia de amor (e dor) e direta da Cris, simplesmente não consegui ter paciência com a Holly em P.S.

Depois da página 300 dá para ir se animando e a leitura finalmente engrena, mas infelizmente este é um livro que não recomendo. O filme, com Hilary Swank e Gerard Butler, é muito melhor!! hehehe


Trechos


“Algumas pessoas diziam que Holly era muito jovem para casar e que deveria viajar o mundo. Em vez disso, ela e Gerry viajaram o mundo, e fez muito mais sentido dessa maneira."
[Narrador – pág. 9] 

“Nós dividimos momentos lindos juntos e você fez a minha vida... você fez a minha vida!”
[Gerry – pág. 32] 

“Objetos que antes eram cheios de vida e importância, sem ele, eram apenas coisas.”
[Holly – pág. 142] 

“Ainda existia vida para ela depois da morte dele.”
[Narrador – pág. 434]

2 comentários:

  1. Nossa, vc é a primeira pessoa q vejo que não gostou do livro e prefere o filme! haha

    pra mim foi totalmente o contrário. Amei o livro e odiei o filme. ahhaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entãão, eu tinha lido sua resenha e depois de outros blogs literários e td mnd falou maravilhas!! Me senti a maior ET, lendo o livro e não gostando nem um pouco!!!

      Você leu As Vantagens de Ser Invisivel? Aconteceu a msm coisa e gostei mais do filme!!! hahahaha

      Excluir

Obrigada pela leitura! ♥

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Livros, Resenhas, Vídeos e outras Danis!